Páscoa: chocolates ricos em cacau fazem bem à saúde e melhoram emocional

Chocolates com grandes quantidades de cacau são ricos em minerais relacionados à saúde do coração

Chocolates com grandes quantidades de cacau são ricos em minerais relacionados à saúde do coração

Optar por ovos de Páscoa de chocolate rico em cacau pode fazer bem à saúde e melhorar o estado emocional, de acordo com especialistas do Hospital do Servidor Público Estadual (HSPE). Os benefícios estão majoritariamente na fruta que possui grande quantidade de minerais e polifenóis, substância com efeito anti-inflamatório e antioxidante.
O chocolate rico em cacau é conhecido como “chocolate acima de 70%” e “chocolate amargo”. A guloseima possui minerais como cobre, magnésio e potássio, associados à boa saúde do coração. Os ovos de Páscoa feitos com esse produto também contam com ferro, elemento que ajuda a evitar a anemia.
Ainda sobre as propriedades positivas do chocolate rico em cacau, o The Journal of Nutritional Biochemistry publicou em 2022 a pesquisa que identificou a influência positiva dos produtos acima de 85% de cacau na composição da microbiota intestinal. Durante o estudo também foi constatada a melhora do estado emocional dos participantes do projeto.
A médica especializada em Nutrologia no HSPE, Renata Cristina Taveira Azevedo, acrescenta que o chocolate amargo possui menos açúcares e, por isso, também influencia na redução dos riscos de diabetes tipo 2. “É importante se atentar aos rótulos dos produtos, quanto mais puro e menos aditivos, melhor para a saúde”, explica a especialista.

Chocolate branco: gostoso, mas ruim para a saúde

O chocolate branco é feito com manteiga de cacau e contém grande quantidade de ácidos graxos, monoinsaturados e saturados. As substâncias estão do lado oposto das guloseimas ricas em cacau e oferecem risco ao sistema cardiovascular, além de aumentar os índices de colesterol ruim.

Chocolate diet: feito com pouco açúcar, mas com muita gordura

Os ovos de Páscoa diet, ou seja, feitos com chocolate com pouca quantidade de açúcar, são mais gordurosos e mais calóricos em comparação aos chocolates convencionais e aos ricos em cacau. Por isso, devem ser evitados pelos não diabéticos ou por aqueles que buscam a redução de peso.


É expressamente proibida a reprodução parcial ou integral de qualquer artigo ou matéria sem a devida autorização por escrito do Agora Região. Em caso de descumprimento todas as medidas judiciais cabíveis serão tomadas.

®


 

® Proibida a Reprodução sem a devida autorização!!!